Escândalo envolvendo o pai de Meghan Markle foi estratégia

Escandalo envolvendo o pai de Meghan Markle foi estrategia

Segundo a revista NW nunca foi intenção do Palacio de Kensington convidar Thomas Markle, pai de Meghan Markle, para o casamento real.

Uma fonte contou que, embora Thomas tenha sido considerado para a cerimônia, o escândalo das fotos falsas posadas e vendidas a um paparazzo e o suposto ataque cardíaco que sofreu uma semana atrás, foram uma grande estratégia para colapsar a viagem de Markle à Inglaterra.

"Desde um princípio ele não estava considerado para levar Meghan pelo corredor até o altar (…) agora quem a levará até o Príncipe Harry podem ser, sua mãe, o Príncipe Charles, ou o Príncipe William", revelou a fonte.

"[Meghan] abraçou a família real como sua. Está claro que o que Harry disse na entrevista do noivado, é certo… finalmente ela terá a família que nunca teve. E ela acredita nisso", justifica o informante.